Gasoduto da Rota 4

From Global Energy Monitor

[English]

Esta página faz parte do Portal Energético para a América Latina de Global Energy Monitor.
Páginas relacionadas:

O Gasoduto da Rota 4 é um gasoduto proposto para a costa atlântica do sudeste do Brasil.

Localização

O gasoduto proposto seguiria na direção oeste do campo de pré-sal da Bacia de Santos em alto mar até Praia Grande, no litoral de São Paulo.[1]

Loading map...

Detalhes do projeto

  • Operadora: Comgás[1]
  • Empresa(s) controladora(s): Cosan S.A.[2]
  • Capacidade proposta: 353,15 a 529,72 MMcf/d (10 a 15 milhões de metros cúbicos/dia)[1]
  • Comprimento: 171 milhas / 275 km[1]
  • Situação: Proposta
  • Ano de início:

Histórico

Em maio de 2019, o Secretário de Petróleo e Gás do Ministério de Minas e Energia, Márcio Félix, afirmou que a Petrobras está considerando a construção de mais redes de gasodutos, que se chamarão Rota 4, 5 e 6. O projeto da Rota 4 é o mais antigo dos três e o início do seu processo de licenciamento ambiental data de 2014. Ele é patrocinado pela maior operadora de gasoduto do Brasil, a Comgás, uma subsidiária da Cosan S.A.[1][2]

Artigos e recursos

Referências

  1. 1.0 1.1 1.2 1.3 1.4 Petrobras plans to build three more pipelines, Route 4, 5 and 6, Click Oil and Gas, 9 de maio de 2019
  2. 2.0 2.1 "Corporate Profile - Comgás RI". Comgás. Retrieved 2021-04-14.