Central Elétrica São Luis Alumar

Fonte: Global Energy Monitor

[English] [español]

Esta página faz parte do Portal Energético para a América Latina de Global Energy Monitor.
Páginas relacionadas:

A central elétrica São Luis Alumar é uma usina termelétrica movida a carvão de 75,2 megawatts (MW) em São Luís do Maranhão, Brasil.[1]

Localização

O mapa abaixo mostra a localização da usina em São Luís do Maranhão, no Brasil.

Loading map...

Histórico

A central elétrica São Luis Alumar é uma usina cativa termelétrica movida a carvão mineral de 75,2 MW e com duas unidades, dedicada à refinaria de alumina ALUMAR em São Luís do Maranhão, Brasil.[2] De acordo com o site da empresa na Internet, a refinaria de alumina aumentou sua capacidade para 3,7 milhões de toneladas desde a construção da central elétrica em 2009.[3]

Embora as operações de fundição de alumínio estivessem fechadas desde 2015, não houve nenhuma indicação formal no relatório da empresa de que as unidades de carvão pararam de operar;[4][5] entretanto, as unidades de carvão não foram incluídas no relatório anual de 2020 da Alcoa sobre as instalações de energia no Brasil.[6] Em 2019, a Alcoa observou em seu relatório de sustentabilidade que os residentes de Coqueiro reclamaram de odores, aumento de dores de cabeça e náuseas, pó de carbono, ruído e pó de bauxita, o que levou a uma revisão do processo de queima de carvão e à compra de um tipo diferente de carvão em um tentativa de reduzir a combustão espontânea.[7] O status operacional das unidades de queima de carvão não é claro durante os seis anos entre 2015-2022; A Alcoa afirmou que a planta de alumínio seria operada com energia 100% renovável até 2024.[5][4]

Detalhes do projeto

  • Patrocinadora: Consórcio de Alumínio do Maranhão (ALUMAR)[8]
  • Empresa(s) controladora(s): Alcoa[8]
  • Localização: São Luís, Maranhão, Brasil
  • Coordenadas: -2,711211, -44,348013
  • Situação: Em operação
  • Capacidade bruta: 75,2 MW
    • Unidade Um 37,6 MW[2]
    • Unidade Dois 37,6 MW[2]
  • Tipo:
  • Em operação: 2009[2]
  • Tipo de carvão:
  • Fonte de carvão:
  • Fonte de financiamento:


Artigos e recursos

Referências

  1. Tolmasquim, Mauricio (2016). "Energia Termelétrica: Gás Natural, Biomassa, Carvão, Nuclear" (PDF). Empresa de Pesquisa Energética (EPE). Retrieved April 12, 2021.
  2. 2.0 2.1 2.2 2.3 "Térmica Alumar inicia operação comercial de 75,2 MW - Blog do GESEL- Grupo de Estudos do Setor Elétrico - UFRJ". www.nuca.ie.ufrj.br (in português). Retrieved 2021-04-12.
  3. "Fact Sheet: ALUMAR" (PDF). Alcoa.
  4. 4.0 4.1 Staff (2021-09-26). "Alcoa To Restart Alumar Aluminium Refinery In Brazil After Six Year Shutdown". Aluminium Insider. Retrieved 2021-11-22.
  5. 5.0 5.1 "Alcoa Plans Restart of Aluminum Smelting Capacity at Alumar in Brazil". news.alcoa.com. Retrieved 2021-11-22.
  6. "2020 Annual Report" (PDF). Alcoa. December 31, 2020. Retrieved November 22, 2021.
  7. "2019 Alcoa Sustainability Report" (PDF). Alcoa. 2020. Retrieved November 22, 2021.
  8. 8.0 8.1 "Alcoa -- The Element of Possibility". www.alcoa.com. Retrieved 2021-04-12.